Saque pessoa física Hotmart

Talvez isso ainda seja uma novidade para você. Não mais haverá limite de saque pessoa física na hotmart, ela anunciou que o limite de R$1.900,00 reais não existirá para as pessoas físicas que desejam fazer saques de suas comissões na plataforma.

Muitas pessoas de fato tinha um problemão por operarem nessa plataforma e não poderem sacar seus recursos. Sendo assim, as comissões ficavam presas na plataforma digital. 

Mas aí que surge a pergunta. Será que de fato foi um problema resolvido ou um novo problema que surgiu?

Imagino que algumas perguntas devem surgir em meio a tudo isso.

Por isso preparei um conteúdo exclusivo para você.

Com essas informações você vai entender tudo o que precisa para não ter problemas com a Receita Federal.

Quero te ajudar com possíveis dúvidas que você possa ter como:

  • Será tem alguma mudança na minha operação?
  • Como afiliado ou infoprodutor eu devo ter algum cuidado quando for vender dentro da Hotmart?
  • Se você que é infoprodutor e já tem afiliados que são pessoas físicas, como será que fica essa situação?

Fique comigo que tenho certeza que vai te ajudar bastante nas suas dúvidas.

Como é fluxo de recebimento e pagamento da Hotmart?

Vou trazer um exemplo do fluxo de recebimento e pagamento com referência a cada transação dentro da Hotmart. Assim conseguirá entender quais riscos existem quando o limite de R$1.9000 reais é retirado, ou seja, quando o saque pessoa física na hotmart não mais existe.

Veja:

Aqui está todo o fluxo de recebimentos e pagamentos de todas as partes que se envolvem no processo digital da Hotmart.

São 4 figuras básicas que surgem nessa operação (de uma forma simplificada);

  • Hotmart: A Hotmart como a intermediadora de todo o processo de recebimento e pagamento;
  • Comprador: A pessoa interessada em comprar um produto que será intermediado pela Hotmart. Essa pessoa pode ser física ou jurídica;
  • Infoprodutor: que é a pessoa que produz um produto para ser vendido;
  • Afiliado: Pessoa responsável também pela divulgação do infoproduto e que recebe uma comissão em troca da venda efetuada por ele.

Agora nessa situação, imagine que você promova um produto para o comprador. Quando ele efetua a compra e faz o seu pagamento através da hotmart ela faz dois pagamentos. Uma das partes vem para o infoprodutor e a outra parte vem para o afiliado. A comissão vai depender do acordo anterior efetuado entre afiliado e infoprodutor.

Se não existir a figura do afiliado, nesse caso a hotmart paga o valor inteiramente para o infoprodutor que vai receber o valor integral.

Quando digo o valor integral é o valor que o cliente pagou descontado as tarifas da própria hotmart.

Certo, isso já é bem claro no mundo digital. O que eu preciso mais entender nesse caso? (Você deve estar se perguntado).

Foco no profissional da contabilidade

Preciso que fique bem atento. Porque agora vou voltar um pouco para que tenha  o contexto correto.

Antigamente a hotmart não tinha o limite de pagamento, ainda mais quando se falava de saque de pessoa física na hotmart. Essa limite de R$1.900,00 nem existia quando essas operações aconteciam. Como também não tem agora.

Porém a plataforma da Hotmart entendeu que precisaria proteger os infoprodutores e afiliados por não existir nenhum limite em razão do valor saque que eles poderiam fazer.

Porém mesmo que entendemos que plataforma tinha preocupação com seu cliente. Ela não é responsável por erros e acertos dos clientes. Nesse sentido, você é responsável pelo que faz com seu dinheiro.

Mas e o que muda no mercado digital quando falo do Saque Pessoa Física na Hotmart?

Pensa o seguinte: O foco a hotmart é ser uma “intermediadora de negócios”. Intermediadora essa que é uma operação comercial de um produto digital.

Nesse sentido a Hotmart busca entregar uma plataforma que:

  • faz o gerenciamento comercial de afiliados e infoprodutores;
  • União de produtores e coprodutores;
  • Entrega de infoprodutos seja através de um ebook ou outra atividade;
  • tem um área exclusiva de membros para entregar;

Tenho que me preocupar com questão de Impostos?

Eu sei, esse assunto não é o mais divertido do mundo. Mas compreenda: é muito importante que você entenda como funciona. Isso se faz mais importante ainda quando você vai trabalhar nesse meio, ok?

Entenda o seguinte:

Você não presta serviços para a hotmart!

Se você é afiliado e pessoa física, entenda que você nunca prestou serviço para a Hotmart.

A Hotmart é apenas uma plataforma de intermediação, lembra?

Ela presta serviços para infoprodutores e afiliados.

Na verdade se você for um afiliado você presta serviço para o Infoprodutor. Esse que em teoria deveria ser uma pessoa jurídica.

E qual a relação de infoprodutores e afiliados?

Sendo um infoprodutor uma pessoa jurídica. Se ele está fazendo um pagamento para você deveria se preocupar com o valor. Por que esse valor deveria sofrer a retenção do Imposto de Renda e do INSS.

Nesse caso, você sendo afiliado. No pagamento você deveria receber seu valor descontado do Imposto de Renda e do INSS

Observe que se eu for um pouco mais técnico, quando estou falando um pagamento acima de R$1.900 reais, que ela o limite de saque pessoa física na hotmart, você já deveria pagar imposto de renda.

Como sei disso?

Talvez você nunca ouviu falar mas existe uma tabela. Essa tabela do imposto de renda mostra o quanto deveria ser pago de imposto da pessoa física.

Mas se tudo isso deveria acontecer, o que significa quando a Hotmart deixa de segurar os pagamentos e pagar integralmente?

Quando a hotmart faz esse tipo de atitude ela está transferindo responsabilidade. Sendo assim, nesse momento passa ser sua responsabilidade fazer sua declaração de imposto de renda.

Ou seja, se é responsabilidade sua você precisará ter todo um cuidado contábil e além de ter necessidade de procurar um contador.

Mas nem tudo são flores (já não estava sendo hehe).

Quando você for fazer sua declaração de IR vai se deparar com um problema.

Você vai informar na sua declaração que recebeu o valor de determinado valor de comissão de um determinado infoprodutor.

Mas o segredo está aí, sempre são nesses momentos que tem os problemas…

Se o infoprodutor não fez retenção nenhuma de valor algum e te repassou integralmente ele não comunicou para a Receita Federal.

Logo se ele não repassou para a Receita Federal, que é na Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte (DIRF), o que vai usar de base na sua declaração?

Quando vai fazer sua declaração de renda a DIRF é a informação que usa de base

Vou tentar ser mais claro para que você possa compreender de forma didática.

Na hora que você vai fazer uma declaração de Imposto de Renda você informa a base de todos os seus ganhos.

Como assim? Na sua declaração você vai colocar quem te pagou ao longo do ano.

Basicamente a pessoa jurídica pagadora ela vai informar para a Receita Federal o quanto te pagou ao longo do ano através da DIRF.

Sendo assim, quando essa pessoa jurídica, no caso o produtor, ele deixa de entregar a DIRF, significa que ela não declarou para a receita a transação que fez com você. Porque se ele não fez qualquer retenção o que ele deve informar?

Além disso, se ele não declarou nada, quem deveria ser responsável pela retenção do INSS?

Não pense por um segundo que não terá que pagar imposto por que a operação não foi declarada.

Pare de se enganar quando você pessoa física receber valores e não tiver sofrido retenção de IR ou INSS.

Afiliado: Imposto de Renda

Vamos imaginar agora o seguinte:

Geralmente quando um afiliado pessoa física trabalha como afiliado essa renda da afiliação de forma comum é sua segunda renda.

E como sei disso?

Sei disso, por que muitas pessoas físicas afiliados quando passavam o limite de R$1.900,00, que o valor de saque pessoa física na hotmart. Esse valor ficava retido para sacar eles vinham procurar minha Contabilidade Online para regularizar a situação. E quando analisava observava que eles eram funcionários com CLT ou funcionários públicos, ou tinham alguma outra renda.

E quando chego nessa situação preciso olhar a situação como um todo para definir a melhor estratégia para a abertura da sua empresa.

Preciso verificar isso por que essa pessoa tem uma outra fonte de renda. Digo isso, por que quando vai fazer sua Declaração de Imposto de Renda você precisará somar a fonte de renda.

Sim isso mesmo, quando for fazer sua declaração de IR a Receita Federal vai considerar a fonte global.

Não quero te assustar, mas quando você opta por ser pessoa física você vai pagar muito mais imposto.

E nesse caso vou ter que me preocupar com duas coisas quando você chega na nossa contabilidade.

A primeira dela é que muito provavelmente não terei a informação da origem da sua fonte de renda do pagamento do infoprodutor para você

E a outra é que você ter que somar a sua renda total e você pode chegar a pagar uma alíquota de 27,5% de Imposto de Renda.

Assustador não?

E como posso pagar menos impostos se saco como pessoa física na hotmart?

Talvez o que falei anteriormente pode ter ficado um pouco confuso, mas vou te dar um exemplo logo abaixo.

Porque como não houve a retenção dos impostos, você terá que pagar. Sendo assim, no momento que você for declarar vai ter que recolher o imposto que não foi retido. E além disso ainda terá que somar com outros rendimentos que você teve.

Nesse caso, com o rendimento global, você ainda corre o risco de ter que pagar uma diferença brutal de imposto de renda sobre o rendimento que teve.

Imagine o seguinte:

Você teve um rendimento X que teve uma alíquota de 15% e também um rendimento R que recebeu como afiliado de mais de R$8.000 reais mensais.

Veja que o rendimento R já vai sofrer a tributação de 27,5% sobre o seu rendimento. Lembrando que você já está pagando os 15% do seu rendimento X.

Quando for fazer sua declaração deverá somar os dois rendimentos e pagar sua alíquota real.

Eu sei, as coisas estão ficando complicadas aí né?!

Quando você recebeu os valores do infoprodutor e não sofreu a retenção do imposto de renda, precisará fazer a declaração de IR para pessoa física. Na declaração precisará declarar o valor recebido.

Mas e se eu não quiser declarar.

Vou te falar que não tem como escapar disso. Quer saber por que?

A Receita Federal vai pedir as informações para a Hotmart que detém todas as transações que aconteceram ao longo do ano no mercado digital. E o que acontece? Ela entrega e ponto final.

Se a Receita Federal te pegar e você não tiver pago seu imposto corretamente, você terá que pagar um imposto muito mais alto. Por que ainda terá que pagar multa e juros.

E ainda terá que observar que se fizer sua venda como Pessoa Física para Pessoa Física.

Digo isso, porque nessa relação você terá que fazer o carnê leão. E nesse carnê deve pagar todo mês a alíquota aplicada sobre o calculo.

E aí o bicho pega. Por que você teria que fazer uma apuração de Imposto de Renda TODOS OS MESES.

Precisa saber qual é a melhor alternativa para Saque Pessoa Física na Hotmart?

Vou ser bem sincero para você que chegou até aqui. Ser uma pessoa física não é a melhor alternativa para você pagar seus impostos. Principalmente por que se eu tiver que somar com uma outra fonte renda seu imposto vai lá nas alturas.

Agora, se tiver um CNPJ poderá começar como um Microempreendedor Individual – MEI e vai pagar uma taxa fixa que no geral é de R$60,00 reais por mês. Caso esteja faturamento melhor poderá transformar sua empresa em um Simples Nacional começando com uma alíquota bem baixa.

Até aqui já chegamos no consenso que não conseguirá fugir dos impostos certo?

Pode ter certeza que sendo uma pessoa jurídica você pagará bem menos impostos que teria que pagar sendo uma pessoa física.

E o melhor de tudo, se fizer tudo certinho quando pagar seus impostos na Pessoa Jurídica não precisará recolher na pessoa física.

Vou te ser bem sincero: Se estiver tendo um ganho maior que os R$1.900,00 acredito que não vale a pena ser pessoa física.

Por que vamos ser sinceros. No fim do dia, a hotmart resolveu o problema dela. Mas não acaba aí. Ela deixou uma bomba para você que é pessoa física e para o infoprodutor que tem afiliados como contratados pessoa física.

Quer dormir tranquilo com seu negócio?

Aqui na SuporteCont – Contabilidade Online, minha recomendação é de forma alguma contratar afiliados que não sejam pessoa jurídica, justamente pela dor de cabeça que eles tem.

Quando dou essa recomendação para os infoprodutores eles deixam de ter problemas fiscais em relação à operação fiscal. Ainda mais agora que não tem mais limite de saque.

E você deve estar pensando. E daí?

Significa que se você está na plataforma que deixou de abrir sua empresa. Muitas vezes deixou de fazer isso por que está esperando seu negócio mudar de patamar. Agora sem essa limitação de saque você pode tirar todo o dinheiro imediatamente.

Imagine você podendo sacar mais de R$10.000 reais acumulados?

E o que acontece?

Como fará a explicação desse dinheiro?

De que forma vai pagar seus impostos?

Realmente quer dar 27.5% (caso você seja pessoa física) para o governo? Claro que ele vai adorar isso né?!

E se ao invés disso você começar a pagar R$60,00 como MEI ou até 6% de imposto ao invés dos 27,5%? Parece bom não?

Se parar para pensar o limite do MEI hoje está em R$81.000 reais anuais, e nesse momento sendo estudado para ser de R$130.000 reais no ano. Essa mudança está acontecendo justamente para que o governo possa ajudar os pequenos empresários a ingressarem no mercado de forma mais justa.

Fica o pensamento para você ter um CNPJ ou pagar um baita de imposto, o que vai ser?

Ahhh, mas você é espero “Contador” Felipe Miranda.

Se eu tiver empresa vou ter que te pagar.

Sim, mas eu quero que pense diferente!

Você sendo uma pessoa física, vai ter um custo infinitamente maior que o custo comigo, pode ter certeza. Além disso, vai correr um baita risco.

Veja que a Hotmart antes procurava proteger os clientes dela pessoa física, e também a pessoa jurídica que contratava serviços de afiliados. Porém ela resolveu passar essa responsabilidade.

Está afim de continuar fazendo jeito que acha que é bom?

Lembre-se sempre que você ainda é responsável pelo recolhimento do imposto hein!

Quer saber qual é o risco?

O risco é que ao não ter uma pessoa jurídica você se perca na questão de impostos e cometa erros que irão te gerar muitos problemas tributários. Ainda mais sem o acompanhamento de uma contabilidade especializada no mercado digital.

Você sendo um empreendedor digital é importante que tenha a consciência da legalização do seu negócio.

Tenho certeza que muitos irão vender cada vez mais e não vão declarar seus impostos e vai tudo se tornar uma bagunça. Você ficando como pessoa física na maioria dos casos ficará ilegal. Por que não conseguir declarar da forma correta seus ganhos.

E quer saber?

No futuro não é uma relação de ganha ganha, e sim você sempre perderá para a receita federal. Ela é a banca que nunca perde.

Por isso, eu, Felipe Miranda dentro da SuporteCont – Contabilidade Online estou aqui para te ajudar no que for preciso!

Conte comigo, e garanta suas noites de sono, estando dentro da legalidade, principalmente com quem entende do assunto e se especializou!

Compartilhar

Abrir bate-papo
💬 Precisa de ajuda?
Olá
Podemos ajudá-lo?